13.5.05

O Caso da Dor II

Como não vai dar para ir à academia hoje à noite, meu plano era acordar de madrugada e me exercitar enquanto o dia nasce.
Acham que rolou? Ha. Mal consegui arrastar meu maltratado corpo para fora da cama às 7 e quinze da manhã para trabalhar, quem dirá às 5 e meia para auto-flagelação.
Acho que fui planejada para desafios intelectuais. Categorias como levantamento de livro e maratona de filmes. Esse negócio de me tornar uma esportista está acabando comigo!
Quando não vou à academia, caminho com o Leo. Aparentemente, ele está se adaptando melhor do que eu à vida atlética. No final da caminhada de ontem ele até quis dar uma corridinha, o esnobe horrível!
Em suma, ontem só meus braços doíam. Hoje minhas pernas doem também.
Preciso de um fim-de-semana de total repouso para ver se me recupero.

2 comentários:

Nathália disse...

Estou aki p servir de prova que Lud e Leo estão realmente se exercitando. Ontem eu os vi caminhando por volta das 19:15hs, pareciam muito empolgados...só espero que essas dores n sejam consequências da falta de alongamento, pq este é de grande importância, antes e dpois dos exercícios. Gostei de ver. Bj.

Anônimo disse...

Ana Paula.

Já que vc's agora são atletas, podem ir de carro até o parque Ipanema, em Ipa, e fazer uma caminhada lá durante o fim de semana. É uma delícia, fica cheio de "atletas de fim de semana"... Claro que este não é o caso de vc's. rs.