4.10.05

O Caso das Caras

Ando lendo muitas revistas Caras (culpa da academia) e estou pasma com as caras que vejo por lá. É incrível a quantidade de pobres mulheres de mais de 50 anos tão esticadas, botocadas e siliconadas que se tornam praticamente irreconhecíveis. O pior é que - será que elas não percebem? - é que elas NÃO estão mais bonitas do que eram antes dos procedimentos cirúrgicos!
Longe de mim dizer que as pessoas não devem buscar uma aparência jovem e saudável. Mas há limites, não é verdade? E há o ridículo.
Sinceramente, esse povo está numa situação perdedora. Elas não são mais atraentes do que as mulheres que são 30 anos mais novas e vão à academia desde que nasceram. E também não têm mais dignidade do que as mulheres que sabem que os anos chegaram.
Tem consciência de que a vida é um ciclo inclui desconfiar que um vestido justo, decotado e brilhante NÃO é adequado para uma mulher de 60 anos, não importa quão conservada ela seja (a não ser que ela seja a Vera Fisher e, mesmo assim, há divergências). E que sapatos forrados da mesma cor do tecido, quando o tecido é azul-bebê ou rosa-pastel, é sempre uma péssima idéia.
Tudo isso não quer dizer que EU pretendo me conformar placidamente com a passagem dos anos. Mas quer dizer que protetor solar, ginástica e uns cremezinhos já está bom demais.

4 comentários:

Anônimo disse...

Concordo em número, gênero e grau!
Dá-lhe Ludmila! =)

Anônimo disse...

Para evitar confusão ressalvo que esse anônimo aí do "coment" de "1:24 AM" não sou eu...

Anônimo disse...

Corrijo: é "comment"!

Anônimo disse...

Mas a anônima sou EU!!!!!
heheheheheh