22.4.06

O Caso das Alegrias




Ok, para não acharem que a Lud está infeliz, é só dar chocolates belgas e cerveja de framboesa, isso mesmo, framboesa que ela fica feliz. As fotos não mentem.

6 comentários:

* Isa * disse...

que fotos fofas!

Anônimo disse...

Deu até sede...
Lu: vc sabia que dia 30 de abril é feriado nacional na Holanda (ou Países Baixos, que é o nome certo)? Não, ainda não é em sua homenagem. É o aniversário da Rainha, Koningindag. Legal, né?
Beijo,
Dani

Anônimo disse...

Falta do que fazer da minha parte, mas olha o que saiu na versão eletrônica de Veja (é uma parte do livro '1000 lugares para conhecer antes de morrer' que vive nos mais vendidos nos EUA:
Você acha que apreciar Veneza a bordo de uma gôndola é "coisa de turista"? Então provavelmente também não se sentirá inclinado a conhecer Amsterdã de barco, mas assim estará deixando de ver essa cidade repleta de canais do modo como ela foi feita para ser admirada. As casas e os armazéns construídos ao longo dos canais por comerciantes no século XVII eram altos (tinham quatro ou cinco andares) e estreitos (havia escassez de espaço e os impostos sobre propriedades eram elevados). Cada uma dessas edificações tem o seu próprio frontão característico, o que as diferencia umas das outras. Dos cinco canais dispostos em semicírculos concêntricos flanqueados por olmos e dos 160 canais menores ligados a eles para criar o centro histórico aberto em forma de leque, o Herengracht é o que apresenta as casas maiores e mais imponentes. O "Canal dos Fidalgos" foi o endereço mais nobre durante a era de ouro de Amsterdã. Mas as casas menores em outros canais (especialmente na área do Jordaan) são mais interessantes em termos arquitetônicos.

Amsterdã orgulha-se das suas casas de tijolos e já elevou muitas delas à condição de patrimônio histórico. Várias fachadas são iluminadas à noite, do mesmo modo que as típicas 1.281 pontes em arco. Some a isso um cruzeiro à luz de velas e o reflexo nas águas das luzes que brilham nos postes antigos para ter uma noite mais do que romântica.

Na primavera, barcos e chatas descem os canais para apreciar o maior espetáculo de flores do mundo. Essas embarcações são utilizadas em cruzeiros de três a sete noites, em viagens que atravessam os campos do país, coloridos como um arco-íris ou uma colcha de retalhos. Quase todos se dirigem aos Jardins Keukenhof, um parque histórico onde mais de 6.000.000 de tulipas, narcisos e jacintos cobrem uma área de 28ha. Dezesseis quilômetros de trilhas serpenteiam entre canteiros de flores, fontes, pequenos lagos sombreados por árvores e grandes estufas que exibem cerca de 500 variedades de tulipas, entre elas a chamada tulipa ³negra² - na verdade, de cor púrpura. As paradas de outros cruzeiros incluem a renomada casa de leilões em Aalsmeer (a maior do mundo, com 17.000.000 de flores frescas à venda diariamente) e algumas das maiores sementeiras do país.

A Bloemen Route (Rota do Bulbo), com ponto de partida em Amsterdã, estimula o viajante a fazer esse tipo de passeio sozinho, seja de bicicleta, trem ou carro. Quem preferir evitar a multidão que surge com a primavera também acabará perdendo as tulipas, mas, como prêmio de consolação, poderá visitar o Bloemenmarkt (Mercado das Flores), que fica o ano inteiro flutuando no canal Singel. Há 200 anos barcos chegam ali carregados de flores frescas e plantas em potes.

O Que: experiência, lugar, evento. Cruzeiros nos Canais: Rederij Lovers é uma das muitas empresas que oferecem passeios à luz de velas. Tel. (31) 20-530-1090; fax (31) 20-530-1099; www.lovers.nl. Todos os cruzeiros saem da Estação Central. Quanto: de US$ 7 por um passeio simples durante o dia até US$ 65 por pessoa nos luxuosos passeios com jantares com 5 pratos. Passeios à luz de velas sem jantar US$ 20. Quando: várias saídas diariamente. Jardins Keukenhof: a 32 km de Amsterdã, na direção de Haia. Quanto: ingresso. Quando: as tulipas estão à mostra do fim de mar. a fim de mai. Cruzeiros para ver as Tulipas: www.bargelady.com. Quanto: cruzeiro de 6 noites na época das tulipas, de US$ 1.990 a US$ 3.450 por pessoa, tudo incluído. Quando: Abr.-meados de Mai. Melhor época: meados de Abr. -início de Mai. O aniversário da rainha (Koningindag) em 30 de Abr. é feriado nacional e cai na época das tulipas.

QUE MENINOS ESPERTOS!!
Dani

Ayane disse...

Depois desse comentário gigante da Dani, fico até com vergonha de postar um tímido comentário...
Fico imaginando o gosto de uma cerveja dessas... É bom mesmo? A cor já dá vontade de provar. Sua cara de felicidade então... Hehe...
Recebi seu e-mail! Adorei!!! Vou responder.
Aproveita aí!
bjaum

Anônimo disse...

Gostei do escrito na taça de cerveja. "Morte Subita"? Tem certeza que essa cerveja é boa mesmo?

Abraços,

Renato Carnaval

Anônimo disse...

Ei Lud!!

que bom saber que você está aproveitando uma viagem dessas!! Vai passar o aniversário ai também, comemorando os 30 em alto estilo???

Ah! aproveita e come bastante chocolate por mim tb, pois acabei ficando com vontade... eu sou chocólatra, vc sabe!
Beijos,

Christina