13.2.07

O Caso da Implicância

Não dá pra ser feliz: você engorda, e suas roupas ficam apertadas; você emagrece, e as pessoas começam a te acusar de estar muito magra.

E nem estou: já pesei menos que agora. Só que, na época, ser magra não estava com nada. Justamente agora, que a esbelteza está na moda, estão tentando me impedir?

Mas estou desconfiada de que parte da culpa da implicância é minha mesmo. Caí na bobagem de continuar usando as mesmas roupas, e é claro que elas ficaram largas - o que dá impressão de criança famélica ou de resgatado de campo de concentração. Preciso desencavar do guarda-roupa uns outfits justésimos, e aí as pessoas vão ver que eu não tenho nada de famélica.

Pelo contrário [risada maquiavélica].

2 comentários:

DaniMarco disse...

Vc está esfregando as mãos também?!

* Isa * disse...

dá pra ser feliz, é só ignorar as pessoas =)