17.4.08

O Caso da Dúvida

Como as pessoas conseguem ter objetivos fixos? Como é que elas não se distraem pelo caminho? Como é que não mudam de idéia? Como é que não são atraídas por novas possibilidades?

Eu sou uma pessoa de vastíssimos interesses. O lado bom é que estou sempre descobrindo novidades. A parte lado ruim é que nunca continuo numa mesma área tempo suficiente para me especializar e colher os frutos do trabalho contínuo.

Até quando me decido por uma rota fico saracoteando daqui pra lá. Começo a estudar para magistratura do trabalho, saltito para o concurso de auditor fiscal, alongo os olhos para os cargos no TCU. E acabo não me preparando adequadamente para nenhum.

Já combinei comigo mesma que ia escolher um rumo e ficar firme até o fim. Mas não consigo seguir por uma estrada sem olhar para as paisagens dos lados.

Que preguiça. Tem tanta gente com problema de verdade...

2 comentários:

Daniela disse...

Mas os problemas DA GENTE é que são importantes de verdade ;)

Delilah disse...

considerando a minha própria situação, acho que o problema é a falta de um talento talentoso mesmo e a sobra de vários talentinhos meia-boca. dai a gente fica indo de um pro outro sem saber qual seguir...