13.8.08

O Caso das Luvas

Eu tenho luvas de couro, que são bonitas e chiques, mas que praticamente inutilizam as mãos, já que você não consegue fechá-las e perde totalmente o tato. E tenho luvas de lã, que são quentinhas, práticas e maleáveis, mas que não são lá muito elegantes (e que tendem a se encherem de bolinhas).

Em Bruxelas eu encontrei a solução para o dilema forma x função: luvas de pelica lindas, de diversas cores, na Galeria St Hubert. O problema é que elas custavam 50 euros e nada no mundo me convenceu que eu devia pagar esse preço por elas (o Leo bem que tentou).

O resultado é que até hoje eu me lembro das luvinhas, sendo que se eu as tivesse comprado já tinha me esquecido dos 50 euros.

3 comentários:

Daniela disse...

Encomenda pra Isa: nos outlets tem uma loja de acessórios de couro (Wilson-alguma-coisa) que tem belas luvas de couro fininho, a uns 15 ou 20 dólares. A minha é fina, com uma penugemzinha por dentro pra esquentar. Só compre um modelo não excessivamente justo, pra poder flexionar os dedos =)

delilah disse...

Lud, suas m'aos sao do tamanho das minhas??

Manu Secatto disse...

Ei, pergunta de principiante: o q é pelica?
e vc axa q se consegue axar fácil esse tipo de luva?