8.9.08

O Caso da Reabilitação Labiríntica

O otorrino mandou fazer um monte de exames, e os resultados foram normais. A estrutura do meu ouvido está ótima. Entretanto, como fico tendo ataques loucos de labirintinte, ele resolveu me receitar fisioterapia para o labirinto.

Não tenho nem idéia de como funciona. Só sei que terei uma sessão por semana durante dois meses. A notícia boa é que o consultório da fisio é na rua da minha casa. A ruim é que não há garantia de que eu jamais tenha um ataque de labirintite de novo. Vou estar apenas diminuindo as chances deles ocorrerem.

No entanto, considerando que a caixa do remédio que eu tomo inteira toda vez que tenho uma crise custa 50 reais, e que a fisioterapia o plano de saúde paga, parece-me que se trata de um bom negócio em termos financeiros. Em termos de bem-estar, também. Diminuir a quantidade de vezes por ano que minha cabeça fica rodando doudamente é uma ótima perspectiva.

Meu objetivo é NÃO ter uma crise de labirintite perto da próxima viagem. O otorrino está tão confiante na reabilitação que disse que até mesmo fazer os exercícios que vou aprender aos primeiros sinais de um ataque é suficiente para contê-lo.

Vamovê.

O labirinto mais bonito do Google Images.

Nenhum comentário: